Arquivos de Tags: estado

Discussão sobre a história e o legado do Partido dos Pantera Negras em Brasília 

No último sábado, dia 2 de dezembro, os camaradas brasilienses da Organização Comunista Internacionalista (OCI) promoveram uma atividade de discussão sobre a história e o legado deixado pelo Partido dos Panteras Negras para a luta de classes e o combate ao racismo e racialismo. A discussão expôs os acertos e méritos do partido para a organização dos trabalhadores negros nos Estados Unidos da América, mas também, de forma crítica, apontou os erros e limites políticos e organizativos. 

Leia Mais »

10 mil mortos na Palestina: abaixo os criminosos responsáveis!

O massacre em Gaza alcançou agora a marca sombria de 10 mil mortos, enquanto mais de um milhão de pessoas foram deslocadas sem ter para onde ir. Para dar uma ideia da escala, as Forças de Defesa de Israel mataram mais pessoas em Gaza em um mês do que o número total de civis ucranianos mortos nos 21 meses (9.600, segundo uma estimativa do mês passado), desde o início da guerra na Ucrânia, em Fevereiro de 2022.

Leia Mais »

Gaza: começa a ofensiva terrestre – mas e depois?

O exército israelense, depois de muitas evasivas, finalmente iniciou operações terrestres em Gaza no fim de semana (28/10). Mas não foi uma invasão em grande escala. Os líderes militares israelenses estão plenamente conscientes do grande risco para os seus próprios soldados se iniciarem combates rua a rua com tropas no terreno. Também têm receio de dar ao Hezbollah a desculpa que necessita para ampliar o conflito, abrindo uma segunda frente na fronteira norte com o Líbano. Então, para o que estão Netanyahu e os seus generais se preparando?

Leia Mais »

Abaixo a censura aos trabalhadores da cultura! Por uma arte independente e revolucionária!

No dia 30 de outubro, estivemos presentes na audiência pública sobre os PLs nº 163/2023 e nº 164/2023, promovidos por vereadores reacionários da direita joinvilense. As nefastas propostas desses PLs atingem o Sistema Municipal de Desenvolvimento pela Cultura (Simdec), com a censura do conteúdo artístico e a, suposta, redução de riscos de fraude ou desvio do dinheiro público, respectivamente. 

Leia Mais »

Por que os comunistas defendem a Intifada até a vitória?

Os comunistas na Grã-Bretanha foram atacados pela imprensa reacionária pela utilização do nosso slogan, “Intifada até a vitória!”. Na tentativa de atravessar as mentiras e distorções, publicamos a nossa resposta que olha para a verdadeira herança das Intifadas, como uma fonte de lições e inspiração para revolucionários em todo o mundo.

Leia Mais »

A resposta de Lula para o NEM: a luta não acabou!

O Ministério da Educação (MEC) encaminhou na sexta-feira (22) para a Casa Civil uma resposta à mobilização dos trabalhadores em educação, estudantes secundaristas e toda a sociedade em luta contra o Novo Ensino Médio (NEM). Apesar do Governo Lula-Alckmin afirmar ao longo do ano que não revogaria o maior ataque da história ao ensino público, gratuito e para todos no país, a pressão da classe trabalhadora obrigou modificações ao NEM.

Leia Mais »

Uma síntese da humanidade: Engels e “A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado”

Friedrich Engels fora conhecido nas fileiras do movimento operário como “O professor do proletariado” por suas contribuições substanciais para o materialismo histórico-dialético. Elas permitiram e continuarão possibilitando o desvelamento da realidade ocultada pela ideologia das classes dominantes, como faz o livro “A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado”, responsável por apresentar sempre às novas gerações como se desenvolveu pilares da humanidade e as opressões geradas pelas mesmas. Assim, este artigo tem o intuito de introduzir a obra “A Origem da Família, da Propriedade Privada e do Estado”, escrita por Friedrich Engels em 1884.

Leia Mais »

Como se constrói uma derrota

No último período assistimos a direção do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Joinville e Região (Sinsej) realizar uma perfeita demonstração de como se constroem as derrotas no campo sindical. Negligenciando os métodos da classe trabalhadora, ignorando o histórico de luta da nossa categoria, fracionando as pautas e dividindo os trabalhadores, abandonando o ponto de vista de classe e o compromisso político da entidade com a sua base, levando os trabalhadores a desacreditar na sua capacidade de mobilização e a abandonar sua identidade de luta.

Leia Mais »