Arquivos de Tags: socialismo

Todo apoio à mobilização dos estudantes da USP em resposta à repressão promovida pela diretoria da FFLCH/USP

Nós da Esquerda Marxista e da Liberdade e Luta nos colocamos em completo apoio às mobilizações e reivindicações dos estudantes da USP! Estes devem avançar em sua luta de maneira independente da Reitoria e dos Governos! Exigimos da Diretoria da FFLCH e da Reitoria da USP que os estudantes tenham suas liberdades democráticas garantidas! Abaixo a repressão! Todos em defesa da educação pública, gratuita e para todos!

Leia Mais »

Os comunistas e a imprensa operária

A história do movimento operário é farta de exemplos de jornais revolucionários. A preocupação de dialogar com a classe trabalhadora por meio da imprensa obrigatoriamente nos leva aos tempos de Karl Marx e Friedrich Engels. Em maio de 1842, Marx escreveu seu primeiro artigo para a Rheinische Zeitung (Gazeta Renana) criticando a censura do governo prussiano e, em outubro, tornou-se redator-chefe do jornal. No mês seguinte, Marx conhece Engels, que visitava Colônia e, ao retornar à Inglaterra, Engels envia uma série de artigos narrando a situação da classe trabalhadora para serem publicados na Gazeta Renana. Posteriormente, esses artigos juntos se tonariam a obra que conhecemos como “A Situação da Classe Trabalhadora na Inglaterra”.

Leia Mais »

Você é comunista?

Recentemente, a organização britânica Socialist Appeal lançou a campanha “Você é comunista? Então organize-se!”. Em poucas semanas, as ruas de todo o país estavam tomadas por cartazes anunciando a campanha e orientando os interessados a entrar em contato com a organização. E muitas pessoas, ao que parece centenas delas, se interessaram por aquele convite, a ponto de as organizações irmãs do Socialist Appeal assumirem a campanha em seus países. Além disso, a internacional da qual Socialist Appeal faz parte, a Corrente Marxista Internacional (CMI), assumiu essa campanha em âmbito mundial em seu recente congresso, realizado na Itália.

Leia Mais »

50 anos do golpe de Pinochet no Chile: a derrota do reformismo

Há 50 anos, em 11 de setembro de 1973, ocorreu no Chile o Golpe de Estado contra o governo socialista de Salvador Allende. A eleição de Allende foi a primeira vez na história em que um candidato que se identificava como marxista chegou ao poder pela via eleitoral. Isso fomentou grandes ilusões entre os social-democratas de todo o mundo. No entanto, como presidente, Allende não conseguiu levar a revolução até sua conclusão. A contrarrevolução que se seguiu quando o General Pinochet e os militares – apoiados pelo imperialismo norte-americano – derrubaram o governo socialista de Salvador Allende foi implacável. O custo foi pago por milhões de trabalhadores chilenos. Neste artigo, recordamos este doloroso marco e recolhemos valiosas lições para o futuro da luta de classes.

Leia Mais »

A ocupação e o controle operário pelos Cordões Industriais na Revolução Chilena (1970-1973)

Em 11 de setembro completam-se 50 anos do golpe imperialista aplicado pelas Forças Armadas chilenas contra o governo reformista da Unidade Popular (UP) dirigido por Salvador Allende. Este trágico evento para o proletariado latino-americano precisa ser sempre recordado não apenas para honrar a memória dos que tombaram lutando por um novo mundo, mas também para aprendermos com o processo anterior ao golpe, a revolução chilena de 1970 a 1973.

Leia Mais »

O mundo em 2023: crise, guerra e revolução

O seguinte documento foi aprovado no Congresso Mundial da Corrente Marxista Internacional (CMI) de 2023 . Aqui, oferecemos a nossa perspectiva e análise das principais tendências que estão a moldar a política mundial e a luta de classes neste período dramático de agonia mortal do capitalismo.

Leia Mais »

Uruguai: além da seca, as causas da crise hídrica

As graves consequências das alterações climáticas têm sido sentidas em todo o mundo, com incidências mais extremas em alguns países do que em outros, sob a forma de incêndios florestais incontroláveis, inundações devastadoras e deslizamentos de terras ou fortes ondas de calor. Recentemente, o Uruguai também fez parte dessa lista cada vez mais longa de países atingidos por desastres climáticos. É verdade que a crise do abastecimento de água foi desencadeada, pelo menos em primeira instância, pela seca dos últimos três anos, que foi também a mais grave dos últimos 74 anos da história do país. Porém, como veremos a seguir, a crise foi lentamente preparada nas últimas décadas por políticas estatais permissivas às indústrias de celulose e ao capital que controla o agronegócio, os principais arquitetos da pilhagem dos recursos hídricos do país.

Leia Mais »

“Eles querem o mais radical que possam encontrar”: entrevista com Antonio Balmer, da Socialist Revolution

Em meio ao Congresso Mundial da Corrente Marxista Internacional, que aconteceu entre os dias 7 e 12 de agosto de 2023, na Itália, entrevistamos o camarada Antonio Balmer, da seção norte-americana da CMI, Socialist Revolution, sobre a situação política dos Estados Unidos. Nesta entrevista, ele fala sobre a entusiasmante greve que tem abalado Hollywood; sobre o crescimento expressivo da Socialist Revolution, principalmente entre a juventude, que se apresenta cada vez mais revoltada com o sistema capitalista; sobre o fenômeno de Trump e a incapacidade do partido de Wall Street atender aos anseios da classe trabalhadora.

Leia Mais »

As cotas nas universidades e cemitérios – A Polícia Militar e os governos petistas

No Rio, apesar da determinação do Supremo Tribunal Federal (STF) de que todas as “operações” nas favelas e bairros operários fossem “justificadas” e acompanhadas pela Procuradoria, elas continuam a acontecer normalmente, com a sua cota de mortes habitual. Em São Paulo, sob a justificativa de morte de um policial, um massacre foi perpetrado em bairros pobres do Guarujá.  As imagens das câmeras dos uniformes dos policiais desapareceram, ainda que todos usassem câmeras que gravam por todo o tempo.

Leia Mais »

Congresso Mundial CMI 2023: os comunistas chegaram!

O Congresso de 2023 da Corrente Marxista Internacional (CMI) marcou uma grande virada na história de nossa organização, em meio a uma mudança radical na sociedade. Tendo quase dobrado nossas forças desde a pandemia, o Congresso estava cheio de espírito jovem de luta e determinação. Mais de 400 camaradas reunidos de mais de 40 países arrecadaram 630 mil euros para a causa revolucionária e declararam triunfalmente: os comunistas chegaram!

Leia Mais »